Venda de imóveis cresce em MT

A aquisição de imóveis em Cuiabá cresceu no 1º trimestre deste ano. Segundo o Sindicato da Habitação de Mato Grosso (Secovi), foram vendidas 2,216 mil unidades ao valor total de R$ 584,805 milhões. A quantidade é 2,30% acima da registrada mesmo período de 2016 e o valor é 0,80% maior. Continuar lendo Venda de imóveis cresce em MT

Caixa vai liberar R$ 10 bilhões para a indústria da construção

A Caixa Econômica Federal vai lançar um pacote de crédito para as construtoras nesta segunda-feira, quando as linhas de financiamento estarão em vigor. O banco pretende liberar, no mínimo, 10 bilhões de reais, segundo o vice-presidente de Habitação do banco, Nelson Antônio de Souza. Continuar lendo Caixa vai liberar R$ 10 bilhões para a indústria da construção

Caixa eleva financiamento e construtoras têm dia de alta

São Paulo — As ações de construtoras dispararam nesta segunda-feira (18), após a notícia de que a Caixa Econômica Federal irá elevar o teto do valor de imóveis que podem ser financiados. O IMOB, índice do setor imobiliário, chegou a subir 2,4% durante o dia. Continuar lendo Caixa eleva financiamento e construtoras têm dia de alta

Construtoras de MT tentam driblar a crise

Imóveis com descontos que chegam a 15%, brindes que incluem mobília ou viabilidade de financiamento por meio de subsídio da própria empresa. Estas são algumas ações que construtoras mato-grossenses estão realizando para driblar as dificuldades apresentadas pelo mercado imobiliário mediante prejuízos provocados pela crise econômica. Continuar lendo Construtoras de MT tentam driblar a crise

Caixa lança linha de crédito com recurso do FGTS para construtoras

A Caixa Econômica Federal lançou linha de crédito imobiliário, com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), para financiar construtoras e incorporadoras. Poderão usar a linha as empresas que produzem empreendimentos com unidades residenciais de até R$ 300 mil. De acordo com o banco, será liberado montante de R$ 1 bilhão. Continuar lendo Caixa lança linha de crédito com recurso do FGTS para construtoras

Bancos públicos liberam R$ 5 bi para casa própria

Preocupado com a forte desaceleração da economia, o governo acionou bancos públicos para despejarem mais R$ 5 bilhões no setor de construção civil. São recursos destinados a financiar a compra da casa própria por quem tem conta ativa no Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Ontem, a Caixa Econômica Federal anunciou a liberação de R$ 4 bilhões para essa linha, chamada de pró-cotista. Continuar lendo Bancos públicos liberam R$ 5 bi para casa própria

Financiamento da Caixa cresce 46% em Araçatuba em 2014

Obra do residencial Luísa, com 120 apartamentos, teve subsídio da instituição federal.

A Caixa Econômica Federal financiou 2.022 unidades habitacionais em 2014, em Araçatuba, o que totalizou R$ 298,2 milhões em aporte para o segmento da construção civil no município. O volume é 41% maior quando comparado ao ano anterior, quando as liberações do banco para a cidade somaram R$ 211 milhões. Em número de moradias, o crescimento é de 46%. Continuar lendo Financiamento da Caixa cresce 46% em Araçatuba em 2014

Após acordo com bancos, Grêmio estrutura nova gestão da Arena

O Grêmio já conta com o aval dos três bancos repassadores do financiamento do BNDES para concretizar a compra da Arena. Em fase de confecção da minuta de contrato, a direção projeta para setembro, mês do aniversário de 112 anos, uma espécie de reinauguração de sua casa no Humaitá. Continuar lendo Após acordo com bancos, Grêmio estrutura nova gestão da Arena

Contra projeto de Cunha, construtoras propõem mudar remuneração do FGTS

As empresas da construção têm uma proposta para mudar a remuneração do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Trata-se de uma tentativa das incorporadoras e construtoras de evitar o avanço do projeto apadrinhado pelo presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que elevaria o rendimento do FGTS, equiparando-o aos ganhos da caderneta de poupança. Continuar lendo Contra projeto de Cunha, construtoras propõem mudar remuneração do FGTS

Olimpíadas do Rio: Caixa Econômica libera financiamento de R$ 1,397 bilhão para Parque Olímpico

Caixa Econômica Federal confirmou contrato de financiamento de parte das obras do Parque Olímpico do Rio, na Barra, zona Sul do Rio. Continuar lendo Olimpíadas do Rio: Caixa Econômica libera financiamento de R$ 1,397 bilhão para Parque Olímpico